Governo do Estado
MOVIMENTO NEGRO

Deputado Franzé defende mais investimentos para comunidade negra no Piauí

O Dep. Estadual Franzé Silva do PT participou de uma mesa de diálogo sobre os direitos da comunidade negra do Estado na última segunda-feira (30)

01/10/2019 14h40
Por: Portal suldopiaui.com.br
180

O Deputado Estadual Franzé Silva do PT participou de uma mesa de diálogo sobre os direitos da comunidade negra do Estado na última segunda-feira (30). Na ocasião, também foi apresentado o nome de Gilvano Quadros como o novo secretário de combate ao racismo do partido.

Com o tema “O racismo e os direitos da população negra”, o encontro aconteceu na sede do PT estadual e teve como objetivo trazer para o centro da discussão o valor e o legado da comunidade negra para a sociedade. O momento proporcionou uma explanação sobre a realidade da comunidade negra no estado, os direitos já conquistados e a luta que precisa continuar para garantir mais igualdade entre as pessoas. 

O Deputado Franzé tem uma longa caminhada junto a grupos e movimentos que atuam na defesa dos direitos da comunidade negra no Piauí e levanta a bandeira, dentro da Assembleia, de um maior reconhecimento da população negra na sociedade. Para o parlamentar,  a conscientização precisa superar os espaços físicos e ganhar as ruas.

“Aqui dentro está todo mundo consciente. É preciso tirar essa discussão daqui de dentro e levar para o meio da sociedade. O Memorial Esperança Garcia não pode ficar à margem da cultura, sem receber recursos. São diversos projetos e festivais realizados e nenhum deles têm projetos para a comunidade negra como prioridade. Nós temos que transformar o espaço Esperança Garcia numa unidade orçamentária, passível de receber emendas” afirma o deputado.

O novo secretário da Secretaria de Combate ao Racismo do PT/PI, Gilvano Quadros, terá um mandato de dois anos.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários