Tragédia

Mais de 400 famílias foram atingidas pelas chuvas em Piripiri; 62 estão desabrigadas

Duas escolas e uma creche estão recebendo as famílias desabrigadas e também servindo como pontos de apoio para as doações.

09/03/2020 11h22
Por: Tâmara
Fonte: G1
12
Foto: Renan Nunes/ TV Clube
Foto: Renan Nunes/ TV Clube

Até o momento, 420 famílias foram atingidas, sendo 62 delas estão desabrigadas, após fortes chuvas registradas desde sexta-feira (6) na cidade de Piripiri, segundo o Corpo de Bombeiros. Duas escolas e uma creche estão recebendo os desabrigados e também servindo como pontos de apoio para as doações.

A forte chuva deixou ruas e pontes da cidade interditadas, interrompendo o trânsito da região. O nível do riacho Paciência subiu chegando a derrubar muros e atingir casas, duas desabaram. Seis escolas da Zona Rural de Piripiri estão sem aulas devido à dificuldade de acesso, porque os trechos estão intrafegáveis em virtude do excesso de água.

Segundo o major Rivelino de Moura, comandante do 2º Batalhão de Bombeiros, os dados sobre o número de famílias atingidas pelo forte temporal estão sendo atualizados todos os dias.

"Já contabilizamos um total de 420 famílias atingidas pela forte chuva, ainda hoje vamos está atualizando esses dados. Também contabilizados 62 delas desabrigadas”, disse.

De acordo com a secretária de Assistência Social de Piripiri, Márcia Galvão, muitas famílias estão resistentes em deixar as ocupações. “A nossa equipe está em campo desde sexta-feira e temos muitas áreas de risco. Os moradores estão mais resistentes, não querem deixar as casas, pois alegam que esse é o único bem que eles têm e estamos adotando um termo de responsabilidade. Os dados estão sendo atualizados e em todo o momento atendemos chamados na zona urbana e rural. Acreditamos que o número de pessoas atingidas pode aumentar em 100", destacou.

O prefeito de Piripiri, Luiz Menezes, informou que irá fazer um levantamento para dimensionar os estragos e custos para recuperação da cidade.“Vamos tentar buscar dentro do processo legal parcerias para poder retomar o cotidiano normal da cidade. Sobre a situação de emergência da cidade não tivemos dúvidas, logo que aconteceu nós tomamos as providências”, pontuou.

As escolas Centro Educacional Municipal Desembargador Antônio de Freitas Rezende, Escola Municipal Dr. Antenor de Araújo Freitas e a Creche Municipal Proinfância Romeritto Francisco Ximendes Escórcio de Brito estão recebendo desabrigados e doações para as famílias atingidas.