Covid-19

Covid-19: Brasil tem 13.149 pessoas mortas e 188.974 casos confirmados

Foram notificados 749 óbitos e 11.385 infectados nas últimas 24 horas, diz Ministério da Saúde; país tem 78.424 recuperados da doença respiratória

13/05/2020 19h15Atualizado há 3 meses
Por: Portal suldopiaui.com.br
Fonte: R7
1.100

A pandemia do novo coronavírus continua fazendo vítimas fatais no Brasil. De acordo com informações do Ministério da Saúde, divulgadas nesta quarta-feira (13), as secretarias municipais e estaduais de saúde notificaram 749 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas.

Com os novos dados, o país acumula agora 13.149 óbitos desde o primeiro registro oficial, no dia 17 de março, em São Paulo. A taxa de letalidade, que é o percentual de mortes entre indivíduos doentes

De ontem para hoje, no entanto, o número de infectados cresceu 11.385. Já são mais de 188.974 pessoas diagnosticadas com a doença respiratória grave. Do total de ocorrências, segundo o governo federal, 78.424 pessoas já estão recuperadas.

Os números oficiais indicam que 97.402 casos ainda estão em acompanhamento e outos 2.050 óbitos em investigação. "São considerados como 'em acompanhamento' todos os casos notificados nos últimos 14 dias pelas Secretarias Estaduais de Saúde e que não evoluíram para óbito", explica o painel nacional. 

O Ceará confirmou 744 novas ocorrências e passou a ocupar o segundo lugar na lista de estados mais afetados pela crise, com 19.156 doentes e 1.389 vítimas fatais. Logo em seguida está o Rio de Janeiro, que acumula 18.728 diagnósticos e 2.050 óbitos. 

Já São Paulo concentra o maior número de casos (51.097) e mortes (4.118). De acordo com Dimas Covas, coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus no estado, o governo considera a possibilidade de "lockdown", diante do crescimento dos índices de ocupação de leitos de UTI (Unidades de Tratamento Intensivo). Atualmente, a situação mais delicada é a da capital paulista, com 85,7% de ocupação. No restante do estado, esse índice é de 69,1%.

Casos e óbitos por estado da federação

São Paulo: 51.097 casos (4.118 mortes)
Ceará: 19.156 casos (1.389 mortes)
Rio de Janeiro: 18.728 casos (2.050 mortes)
Amazonas: 15.816 casos (1.160 mortes)
Pernambuco: 14.901 casos (1.224 mortes)
Pará: 9.618 casos (946 mortes)
Maranhão: 9.112 casos (444 mortes)
Bahia: 6.547 casos (236 mortes)
Espírito Santo: 5.401 casos (233 mortes)
Santa Catarina: 3.828 casos (73 mortes)
Minas Gerais: 3.733 casos (135 mortes)
Distrito Federal: 3.192 casos (48 mortes)
Paraíba: 3.045 casos (157 mortes)
Amapá: 3.005 casos (94 mortes)
Rio Grande do Sul: 2.917 casos (111 mortes)
Alagoas: 2.761 casos (164 mortes)
Rio Grande do Norte: 2.367 casos (105 mortes)
Sergipe: 2.268 casos (42 mortes)
Paraná: 1.996 casos (117 mortes)
Acre: 1.694 casos (52 mortes)
Rondônia: 1.612 casos (50 mortes)
Piauí: 1.612 casos (57 mortes)
Roraima: 1.411 casos (29 mortes)
Goiás: 1.134 casos (61 mortes)
Tocantins: 932 casos (21 mortes)
Mato Grosso: 661 casos (20 mortes)
Mato Grosso do Sul: 430 casos (13 mortes)