Teresina

Prefeitura anuncia rodízio de veículos no centro de Teresina a partir de terça-feira

O rodízio será realizado levando em consideração o dia da semana e a numeração da placa do veículo. O decreto será publicado na segunda-feira

30/05/2020 15h51
Por: Portal suldopiaui.com.br
Fonte: g1
743

A circulação de veículos no centro de Teresina será limitada a partir da próxima terça-feira (2), conforme anunciou a prefeitura. Será feito um rodízio por meio do dia da semana e da numeração da placa do veículo. O objetivo é impedir a disseminação do coronavírus na capital piauiense. O decreto será publicado na segunda-feira (1°) após a assinatura do prefeito Firmino Filho (PSDB-PI).

O rodízio dos veículos será feito na região delimitada pela Avenida Miguel Rosa, Joaquim Ribeiro e Maranhão, onde fica localizado o centro comercial de Teresina, área onde as autoridades municipais têm notado uma grande circulação de veículos, mesmos com os decretos de fechamento de serviços não essenciais.

Nas segundas, quartas e sextas, poderão circular apenas veículos com final de placa com número par (0,2,4,6 e 8). Já nas terças, quintas e sábados só será permitido o tráfego de veículos com placa de terminação ímpar (1, 3, 5, 7 e 9).

Segundo o superintendente da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira, no mês de abril, cerca de 50% dos veículos pararam de circular na capital. Entretanto, em maio, o número diminuiu. Weldon adiantou que a medida poderá se estender a demais áreas de Teresina, caso aja necessidade.

“No início da pandemia, a Strans passou a monitorar o fluxo veicular. Nós tivemos uma queda de 42%, chegando ao nível de 50% dos veículos sem circulação no mês de abril. Nas últimas semanas, vimos um aumento dessa quantidade de veículos circulando, principalmente na região central da cidade, algo que não entendemos, aja vista que a maioria dos serviços comerciais estão restritos. Diante disso, nós elaboramos um plano para a contenção de veículos. Basicamente, ficará restrita o acesso de veículos a uma região delimitada pela Avenida Miguel Rosa, Maranhão e Joaquim Ribeiro, podendo ser levada para as demais áreas da cidade caso seja necessário”, afirmou.

O superintendente da Strans informou que alguns veículos serão dispensados do rodízio. “Nesse primeiro momento, serão dispensados do rodízio apenas os mototáxis, táxis, veículos de aplicativos e afins, além daqueles que fazem parte dos serviços essenciais como bombeiros e segurança”, contou.

Nos dois primeiros dias de início do rodízio de veículos, a fiscalização será em caráter educativo. O monitoramento do rodízio será feito pelos agentes de trânsito e também de forma eletrônica, por meio das câmeras espalhadas pelo centro da cidade. Após o prazo educativo, os condutores que não obedecerem à determinação estarão sujeitos à multa prevista no Código de Trânsito Brasileiro, no valor de R$ 195,23.

Anúncio
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas